terça-feira, 2 de agosto de 2011

Alison Bechdel



Começo dizendo somente isso: leiam Fun Home.

Repetindo, leiam Fun Home.

Alison é uma roteirista e desenhista de quadrinhos nascida nos Estados Unidos em 1960. Sua obra máxima é essa que eu citei logo acima, o Fun Home, uma história autobiográfica que dentre outras coisas, aborda sua relação fria com o pai professor de literatura, homossexual não assumido que preferia passar seu tempo reformando o casarão vitoriano onde moravam do que dando atenção à família.



Filha de um casal católico de professores, que também eram proprietários de uma funerária, completou o colegial em 1981, quando se mudou pra Nova Iorque para estudar arte. Em 1983 teve seu primeiro trabalho publicado em um jornal voltado para mulheres, chamado Womannews. Em um ano suas tirinhas começaram a aparecer em outras publicações.



Foi assim até que em 2006 lançou seu primeiro álbum, Fun Home, eleito o livro do ano pela revista Time, e vencedor do prêmio Eisner. Seu texto é denso, fortemente literário, com momentos poéticos únicos e raros. O traço fino é estiloso, elegante, e o trabalho de cores é primoroso.



Enfim, não há muito a dizer sobre a vida dela.
O que importa aqui é o trabalho dessa mulher.

http://dykestowatchoutfor.com/

Um comentário:

  1. Fun Home é uma das obras que tentarei analisar na monografia :)

    ResponderExcluir